segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Praça Paris - RJ


Pois é minha gente,

Temos uma bela praça em torno do bairro da Glória e Lapa, onde temos um pouquinho do clima parisiense em pleno território carioca, a Praça Paris !


A Praça Paris foi revitalizada a pouco, pelo nosso querido prefeito, pois na época da construção do metrô, a praça foi completamente destruída. Ela foi restaurada e reinaugurada em 1992, quando foi cercada por grades, visando à sua preservação.

É um local muito procurado por desportistas e caminhantes. Favorece o treinamento de corrida devido ao piso de terra batida. Conta com policiamento da guarda municipal e policia militar durante o dia e a noite.

Aberta ao público de 06:00h as 22:00h.

Ao meu ver, não deixa de ser um ponto turístico de nossa cidade maravilhosa, porém, pouco conhecida até por nós, cariocas ..rs.

Seu idealizador, o arquiteto francês Alfred Agache nasceu em 1875 em Paris e morreu em 1959. Ficou bastante conhecido por ter planejado a urbanização de algumas cidades brasileiras. E uma curiosidade que li, foi que a intensão do arquiteto foi idealizar uma joia da “Belle Époque”, e digamos, ele atingiu seu objetivo. A Praça possui uma das maiores concentrações de esculturas a céu aberto do Brasil, bustos em mármore e estátuas idealizando as estações do ano, lembrando os jardins europeus. Em seus espaços, a Praça abrigava um grande número de amendoeiras de grande porte.

Vamos as fotografias;


Felinos, em mármore de Carrara.



O chafariz, jorrando água a vinte e cinco metros de altura.








No chafariz, os jorros de água são simétricos, com golfinhos posicionados para o centro, inspirados nos similares que existem no jardim do célebre palácio francês.






























Em um pedestal de granito quadrangular de 8m, que, ao atingir a altura de 2m, se transforma numa grossa coluna cilíndrica. Da autoria do escultor José Otávio Correia Lima, foi inaugurado em 19 de Novembro de 1909 com as seguintes legendas: “Riachuelo - 11 de Junho de 1865.” e “Ao Almirante Barroso - a Nação.” 















 








As esculturas em mármore de Carrara, também são cópias das que estão em Versalhes. De acordo com as fotos, foram as únicas obras de arte instaladas na inauguração, cuja autoria até hoje desconheço.



Winter de Jean Baptiste Theodon - 1680
















Na composição, além do traçado geométrico, os elementos decorativos ali colocados foram reproduções de obras do jardim de Versalhes. 






  




A Minha preferida; 




Tentei explorar bastante a praça e seus monumentos, os jardins e o entardecer tendo ao fundo a Igreja Nossa Senhora da Glória do Outeiro.




Bustos, que são eles; 


Alfred Hu­­bert Donat Agache foi um arquiteto francês, melhor conhecido por ter planejado a urbanização de cidades brasileiras.


Francisco Adolfo de Varnhagen,  foi um militardiplomata e historiador brasileiro.





Carmem Gomes, cantora de talento, soprano de rara sensibilidade.




Vera Janacópulos foi uma importante intérprete de câmara. Seu busto foi executado por sua irmã, Adriana Janacópulos.

Clóvis Beviláqua foi um juristalegisladorfilósofo e historiador brasileiro.



















Vera Janacópulos, em outro ângulo e em seguida anoitecendo; 











































Não tem torre Eiffel, mas tem a cia do canto dos pássaros pela manhã, por toda a honra e toda a GLÓRIA, agora e para sempre.

Espero que tenham gostado, se divertido nessa viagem fotográfica.

Adorei muito registrar e compartilhar essas preciosidades de nossa cidade, que poucos conhecem.

Beijos e até breve,

Dadá Ferreira.